sábado, 20 de julho de 2013

Em ti, SENHOR, confio

Foto: Transplant Day 49

“For in the true nature of things, if we rightly consider, every green tree is far more glorious than if it were made of gold and silver.”
-Martin Luther 

Here in western Washington, we are blessed with an abundance of trees.  Pines, deciduous varieties, fruit-bearing and shade: they are all magnificent testimonies to the beauty and variety of God’s creation.  King David loved trees, and wrote psalms regarding spiritual insights focused on trees.  The very first Psalm is a poem where David draws a simile regarding trees:

“Blessed is the man 
Who walks not in the counsel of the ungodly,
    Nor stands in the path of sinners,
    Nor sits in the seat of the scornful;
But his delight is in the law of the LORD,
    And in His law he meditates day and night.
He shall be like a tree
    Planted by the rivers of water,
    That brings forth its fruit in its season,
    Whose leaf also shall not wither;
And whatever he does shall prosper.”

Look closely at these words.  The first section is all internal and unseen.  It’s about a person’s heart, their personal resolve, and their affection for Godliness.  The second section is all outward: the results that spring from a heart devoted to God and His ways.  You might say that the first section represents the root, while the second section represents the fruit.

And therein hides something profound.

Go buy a tree and plant it, and what happens?  Not much, at least nothing visible for a while.  The tree first goes about growing its root.  It puts its effort, expends its energy, in pushing down.  The tree’s growth priority is under the surface.  Sure, the visible grows too, but only to the extent that the root can support, and the tree’s upward, ‘visible’ growth is secondary.  The downward growth makes the tree hardy, resilient, and less susceptible to circumstance.

Same with people, which is exactly the picture David paints.  When we focus on growing deep, pushing our spiritual roods down, then we too become more hardy, resilient, and less susceptible to circumstance.  And pushing down brings forth fruit: love, joy, peace, longsuffering, kindness, goodness, faithfulness, gentleness, and self-control. (Galatians 5)

Hardship, such as leukemia, has a way of exposing a person’s weaknesses.  But when we delight in God’s Word, meditating on it day and night, we’re more supple, more able to bend in the storm, and more able to weather life’s difficulties.

Please follow this link to our indigigo page,
http://igg.me/at/sharealattewithanna3/x/2151197 , and
Share A Latte With Anna

Em ti, SENHOR, confio; nunca seja eu confundido.
Livra-me na tua justiça, e faze-me escapar;
 inclina os teus ouvidos para mim, e salva-me.
Sê tu a minha habitação forte, à qual possa 
recorrer continuamente. 
Deste um mandamento que me salva,
 pois tu és a minha rocha e a minha fortaleza.
Livra-me, meu Deus, das mãos do ímpio,
 das mãos do homem injusto e cruel.
Pois tu és a minha esperança, Senhor DEUS; 
tu és a minha confiança desde a minha mocidade.
Por ti tenho sido sustentado desde o ventre;
 tu és aquele que me tiraste das entranhas de minha mãe;
 o meu louvor será para ti constantemente.
Sou como um prodígio para muitos, mas tu és o meu refúgio forte.
Encha-se a minha boca do teu louvor e da tua glória todo o dia.
Não me rejeites no tempo da velhice; não me desampares,
 quando se for acabando a minha força.
Porque os meus inimigos falam contra mim, 
e os que espiam a minha alma consultam juntos,
Dizendo: Deus o desamparou;
 persegui-o e tomai-o, pois não há quem o livre.
Ó Deus, não te alongues de mim; 
meu Deus, apressa-te em ajudar-me.
Sejam confundidos e consumidos os que são 
adversários da minha alma; cubram-se de opróbrio
 e de confusão aqueles que procuram o meu mal.
Mas eu esperarei continuamente, e te louvarei cada vez mais.
A minha boca manifestará a tua justiça e a tua salvação todo o dia,
 pois não conheço o número delas.
Sairei na força do Senhor DEUS, 
farei menção da tua justiça, e só dela.
Ensinaste-me, ó Deus, desde a minha mocidade;
 e até aqui tenho anunciado as tuas maravilhas.
Agora também, quando estou velho e de cabelos brancos
, não me desampares, ó Deus, 
té que tenha anunciado a tua força a esta geração,
 e o teu poder a todos os vindouros.
Também a tua justiça, ó Deus, está muito alta, pois fizeste grandes coisas.
 Ó Deus, quem é semelhante a ti?
Tu, que me tens feito ver muitos males e angústias, 
me darás ainda a vida, e me tirarás dos abismos da terra.
Aumentarás a minha grandeza, e de novo me consolarás.
Também eu te louvarei com o saltério, bem como à tua verdade,
 ó meu Deus; cantarei com harpa a ti, ó Santo de Israel.
Os meus lábios exultarão quando eu te cantar, 
assim como a minha alma, que tu remiste.
A minha língua falará da tua justiça todo o dia;
 pois estão confundidos e envergonhados aqueles que procuram o meu mal.
Salmos 71

Um comentário:

  1. "Porque o SENHOR é bom, e eterna a sua misericórdia; e a sua verdade dura de geração em geração." Salmos 100:5

    Olhando bem ao nosso redor, podemos ver inúmeras demonstrações da grande bondade do Senhor! Deus é bom e deu-nos vida! Deus é bom e tem cuidado de nós! Deu-nos família, saúde e o sustento diário! Deu-nos Jesus Cristo, seu maior presente, e nEle, a nossa salvação! Quando andávamos desgarrados pelos desertos, em caminhos solitários, famintos e sedentos, clamamos ao Senhor e ele nos livrou das nossas angústias.

    Deus nos abençoe!

    Professor Sergio Christino

    ResponderExcluir